A MINHA SEMANA

A MINHA SEMANA

Normalmente, em cada duc in altum, somos convidados a falar de um tema que nos seja próximo, que nos tenha cativado, algo que para nós faça sentido e transmita, muitas vezes, o que sentimos.

Sorte (ou azar), o meu duc in altum surge numa semana cheia de alegrias, entusiasmos, novidades. Numa semana que foi de confronto mas também foi de entrega. Numa semana em que o sim foi mais forte e mais evidente. Na semana em que fui ordenado diácono. E é um pouco desta semana que quero partilhar. [continuar a ler]

Ordenações Diaconais

Ordenações Diaconais

Bispo de Angra quer novos diáconos integrados na missão da Igreja e no apoio aos mais excluídos

Diocese de Angra viveu esta tarde a ordenação de sete novos diáconos- seis diocesanos e um religioso carmelita- e a instituição de três leitores

O bispo de Angra, D. João Lavrador, desafiou, na sua homilia, esta tarde os sete novos diáconos ordenados- seis alunos do Seminário Episcopal de Angra e um religioso da Ordem do Carmo- a serem, para a comunidade cristã “motivo de alegria” e anunciadores de “uma nova esperança”.

“Conto convosco e com o vosso ministério, caros jovens, vós podeis dar à Igreja a frescura e os sonhos da vossa juventude, o entusiasmo e a generosidade da vossa entrega, o testemunho e o desafio do vosso serviço no amor aos irmãos mais excluídos da nossa sociedade”.

Na homilia da missa de ordenação, celebrada esta tarde na Sé de Angra, o prelado diocesano lembrou que estas ordenações são uma “esperança vivida e experienciada” para toda a Igreja.

“Vós jovens, na vossa entrega total ao serviço de Deus e da sua Igreja, sois para a comunidade cristã e para o mundo motivo de uma alegria e de uma esperança que vai para

[continuar a ler]
Bispo de Angra elogia decisão dos predecessores na manutenção do Seminário maior diocesano

Bispo de Angra elogia decisão dos predecessores na manutenção do Seminário maior diocesano

D. João Lavrador elogiou o trabalho e o “esforço empenhado” dos seus predecessores pela manutenção do Seminário Episcopal e garantiu que tudo irá fazer para que o Seminário Maior prossiga como casa de formação do Clero diocesano.

No dia em que a diocese fez festa, com a ordenação de seis diáconos diocesanos, alunos finalistas do Seminário maior, D. João Lavrador lembrou que o trabalho é “árduo mas tem muitas alegrias”.

“Conheço o trabalho que se faz na esmagadora maioria dos seminários em Portugal e quero dizer que dou graças a Deus pelo facto dos meus antecessores terem tido a coragem de preservar este Seminário, terem colocado o seu empenho para que o Seminário pudesse continuar a desempenhar aquela que é a sua missão dentro da diocese e, da minha parte, podem contar com o meu trabalho para que o Seminário continue” afirmou numa alocução que dirigiu aos participantes do jantar que se seguiu à ordenação diaconal que contou com a presença também de um jovem religioso carmelita, natural da ilha Terceira, que também foi ordenado diácono

[continuar a ler]