IV Jornadas de Teologia

IV Jornadas de Teologia

Via zoom

ÁTRIO DOS GENTIOS

ATEÍSMO E FÉ: DIÁLOGO E PROCURA

 

A pergunta pelo ateísmo e pelas razões da fé cristã, pela descrença ou pela indiferença, deve recuperar a sua seriedade. Que acontece se a descrença, com aparente naturalidade, determina a vida?

No quotidiano persistem as respostas silenciadas, os olhares confiantes, mas também os preconceitos e as tensões culturais. A problemática é intensa quando atinge os limites da existência humana. Por isso, estas Jornadas procuram refletir acerca do diálogo corajoso e autêntico com o diferente, mas também sobre a procura intensa dentro da própria personalidade, que se adentra no mistério.

Será que o risco de um diálogo verdadeiro permite soletrar novamente Deus a partir de uma fé amadurecida? [continuar a ler]

“Às três horas da tarde” Lc 23, 44

“Às três horas da tarde” Lc 23, 44

Chegámos a mais uma Quaresma. Não a mais uma, mas sim à nossa Quaresma. A Quaresma é, por excelência, um tempo de penitência, de oração e de jejum, resumidamente, um tempo de conversão. E como já é norma do Seminário, os seminaristas vão em retiro no início deste tempo. Este ano não foi exceção. Claro que se teve que moldar o retiro às circunstâncias atuais que esta pandemia nos trouxe. Por isso, os seminaristas mais novos foram em retiro, separados dos mais velhos, para a Paróquia das Fontinhas, para realizarem lá os seus exercícios, no Centro Paroquial e Social das Fontinhas. O que consta aqui de relevante, e o que me leva a escrever este acontecimento, passou-se durante este retiro. [continuar a ler]