Bispo de Angra aposta no recrutamento e formação de candidatos ao diaconado permanente

Bispo de Angra aposta no recrutamento e formação de candidatos ao diaconado permanente

A diocese de Angra está apostada na valorização dos ministérios ordenados e por isso quer fortalecer e desenvolver o diaconado permanente. Numa carta enviada a todos os sacerdotes, esta segunda-feira, D. João Lavrador lembra que no diaconado permanente se manifesta “o rosto de uma igreja mais ministerial”.

O prelado diocesano que quer reforçar o diaconado permanente em todas as ilhas lembra a necessidade do recrutamento e formação dos futuros candidatos, uma seleção que vai ser feita no próprio seminário Episcopal.

D. João Lavrador salienta que a existência de diáconos permanentes contribui para “renovar a Igreja em ordem a capacitá-la para servir a evangelização.

Os candidatos ao diaconado permanente devem ter no mínimo o 12º ano e deverão frequentar formação no Seminário Episcopal.

[continuar a ler]