D. João Lavrador deixa elogios ao novo sacerdote que ordenou esta quarta feira na Sé

A celebração dos diferentes sacramentos é sempre um momento de jubilo para a igreja mas o do sacerdócio é sem dúvida aquele que “mais alegria pode dar à igreja” disse D. João Lavrador ao Igreja Açores no final da cerimónia de ordenação do novo sacerdote, Pe Nelson Pereira, que decorreu esta tarde na Sé de Angra.

“A ordenação de um sacerdote é a maior alegria que a igreja pode ter” afirmou o bispo de Angra sublinhando que “encontrar num jovem um coração generoso capaz de se entregar aos irmãos e a Deus é a maior alegria de todas”.

Por isso, o prelado, que já ordenou três novos padres desde que é bispo diocesano em Angra, desafiou os jovens terceirenses a seguirem o exemplo do Pe. Nelson Pereira e a deixarem-se envolver no mistério de Deus.

“Todas as pessoas querem ser felizes e darmo-nos a Deus e aos irmãos é a maior felicidade de todas; ter esta capacidade de entrega e despojamento é muito gratificante” precisa D. João Lavrador.

Sobre o novo sacerdote lembra que “é um jovem cheio de qualidades que todos apreciam, com generosidade, capacidade de entrega e despojamento. Por isso, tem tudo para ser um bom sacerdote” diz o prelado.

D.João Lavrador espera que o Pe. Nelson Pereira, tal como todos os sacerdotes diocesanos, possa renovar a alegria deste dia “porque a vocação precisa de ser diariamente refrescada para ser vivida com alegria e sentido de entrega aos outros”.

Também o vigário episcopal para a formação, o cónego Ângelo Valadão, destacou as qualidades pessoais e intelectuais do novo sacerdote para afirmar o seu apreço por ele.

“Certamente será um bom padre”, disse ao Sítio Igreja Açores.

O sacerdote lembra a caminhada formativa que precedeu a ordenação e sublinha a importância da formação continua para que a missão tenha sempre um novo alento.

O vigário episcopal para a formação refere, por outro lado, a aposta que deve ser feita no acompanhamento das famílias, ao nível das paróquias, de forma a que possam ser o berço de novas vocações.

Depois da ordenação seguiu-se um jantar com familiares e amigos mais próximos no Seminário Episcopal de Angra. Entre quinta e sábado haverá um tríduo preparatório da missa nova e no domingo, dia 5, pelas 16h00 o neo-sacerdote celebrará a sua missa nova na igreja paroquial de São Mateus.

In Igreja Açores